Excesso de mensagens de “bom dia” na Índia vira objeto de estudo do Google

A memória dos celulares não conseguia armazenar tanta imagem

Uma análise feita pelo Google, na Índia, encontrou uma anomalia: o armazenamento dos celulares indianos acabava consideravelmente mais rápido que o dos outros países. O problema foi investigado, e a equipe chegou a conclusão de que, o que lotava a memória, eram as imagens com mensagens de inspiração ou religiosas, enviadas aos parentes, geralmente, pela manhã.

A solução encontrada pela gigante foi criar o “Files Go”, um aplicativo, disponível apenas para Android, que apaga todos os arquivos considerados inúteis, e reconhece o “bom dia”, detectando as imagens e deletando depois de um determinado tempo no armazenamento. Parece que eles gostaram bastante, pois desde o anúncio do app, em 25 de janeiro deste ano, mais de 10 milhões de pessoas já baixaram. E você, tá pronto pra desapegar daqueles memes antigos do celular?

Heloise Meirelles é
Social Media na W3.0